Com financiamento da Jhpiego: DPS Zambézia espera circuncidar cerca de dois milhoes de pessoas ate 2019

Jacinto Castiano


Quelimane (Txopela) – O sector da saúde na província da Zambézia, prevê circuncisar até o ano de 2019 um total de dois milhões de pessoas, do sexo masculino.

Esta acção enquadra-se no âmbito dos das estratégias de prevenção e combate a pandemia do HIV-SIDA, que constitui até ao momento um gravíssimo problema de saúde na Zambézia, em Moçambique e não só.

Para o efeito, foi realizado um encontro de concertação entre a Direcção Provincial de Saúde da Zambézia, Jhpiego e representantes de vários órgãos de comunicação sedeados em Quelimane para dentre vários pontos, esboçar mecanismos tendentes a efectivação  destas pretensões.

Hidayat Kassim, director provincial da saúde da Zambézia, disse na ocasião, que são metas ambiciosas e que o envolvimento directo dos órgãos de comunicação é imprescindível para a componente de sensibilização que é extremamente importante.

Pelas análises feitas, disse Hidayat Kassim, o programa de circuncisão masculina foi bastante aderido em 2016 comparativamente ao ano de 2015. ” Em 2016 nós conseguimos realizar 79.994 circuncisões num total de 69.400 isso quer dizer que o nosso índice de cumprimento anda na fasquia dos 115% quando fazemos uma comparação com o ano anterior, neste caso 2015 ouve um aumento de 9 mil circuncisões, tendo em conta que foram feitas 70.310 circuncisões , isso significa que a aderência é satisfatória”,- disse a fonte.

Ainda assim, o director provincial da saúde disse que existem vários desafios, razão pela qual há uma necessidade de abranger a geração de demanda, isto é, sensibilizar os mais jovens e não só para aderirem a circuncisão.

Neste âmbito, para alargar a base de sensibilização, disse Hidayat, está programada a gravação de documentários e para tal serão ouvidos testemunhos nas zonas rurais, urbanas e per-urbanas.

Leia:  Sobe valor de prémio de jogo para o 1º de Maio de Quelimane

“A circuncisão não só melhora o combate ao HIV mas também tem efeitos estéticos e higiénicos nas pessoa daí que nós queremos encorajar as populações para acatar e aderir essa campanha de circuncisão que temos levado a cabo nos distritos da província da Zambézia.”

O nosso interlocutor disse ainda que com o objectivo de abranger mais pessoas tem vindo a aumentar gradualmente os postos de saúde com serviços de circuncisão e justifica dizendo que a Zambézia conta actualmente com um total de 11 unidades de circuncisão contra os anteriores 9 de 2015. Além disso há brigadas móveis que se desdobram de bairro em bairro, distrito em distrito sensibilizando as comunidades.

De acordo com a fonte, esta actividade está sendo financiada pela Jhpiego. “O plano para este ano é termos cerca de 80 mil pessoas e estender para mais três distritos unidades fixas de circuncisão.”

O director provincial da saúde mostrou optimismo sobre o alcance das metas, pois segundo realçou há mais pessoas a aderir este processo.#

LIVRE & INDEPENDENTE

© Jornal Txopela, 2017
Todos os direitos reservados
Fundado em 2014

REGISTO Nº 01/GABINFO-DEC/2016. © AFRO MEDIA COMPANY
Ir para a barra de ferramentas