A ÚLTIMA VIAGEM… — Danilo Tiago

Danilo-Tiago-240x300 A ÚLTIMA VIAGEM... — Danilo Tiago

Danilo Tiago

Talvez este seja o meu último texto. Os médicos deram – me apenas três dias de vida. O cancro da próstata esta em fase terminal. Já passei por todas quimioterapias possíveis. É irreversível.
Mas não estou triste. Irei morrer com dignidade imaculada. Nunca fiz mal a ninguém. Com os meus 65 anos de vida, vi os meus quatro filhos se formarem. A Tucha, a minha primogénita é geologa, o Altino esta a trilhar os caminhos da advocacia, a Esperança, é formada em Relações Internacionais e o Faduco, caçula dos Chivangirais, é médico. Incrível, médico que é, nunca quis que me examinasse.
Sinto dó que nenhum dos meus filhos tenha seguido a carreira política. Ah como gostaria que um deles fosse um exímio representante do povo como eu fui…fui sim, porque eu já morri, este cancro não me vai poupar a vida. Mas como disse, vou tranquilo. Não tenho letra nenhuma no banco, sempre fui do bem. A minha consciência esta tranquila.Tenho três dias de vida apenas… O Dr. Narciso, o nosso médico de família disse – me isto enquanto sorria…”Infelizmente Lucrecio Chivangirai, restam te 72 horas de vida, é irreversível a doença que te apoquenta”.Levei em consideração. Mas para morrer digno faltava realizar a última viagem. O destino: Michumwa, Distrito do Lago, minha terra natal. As 24 horas das 72 que me deram já se passaram. Estou em Michumwa. Chorei em surdina quando vi a minha mãe. Evitei comentar da sentença do dr . Narciso. Minha mãe jamais entenderia que doenças crónicas nos dão pouco prazo de vida.
Mergulhei pela manha no lago Niassa, era a minha última vez. Devo despedir-me com dignidade. De tudo e de todos. A começar pelo meu adorável Michumwa. Haverá terra mais bonita que Michumwa? Distrito do Lago, Província do Niassa? Não. Já estive em Veneza, na Itália, fui ao Rio de Janeiro, estive em Brooklyn…mas nada se compara a Michumwa. o único local que talvez possa tirar ligar ao meu Michumwa é Pemba. A praia do Wimbe, depois a de Chuiba,ai sim há um encanto irrepreensível…Pemba sempre estará no meu coração. é o meu Michumwa para além do Niassa. Quando escrevo isto, faltam me apenas 4 horas de vida. Irei morrer feliz repito. Ir à Michumwa significou fazer a última viagem. A morte para mim jamais será a minha última viagem…Michumwa sim.
Abraços
Lucrecio Chivangirai.

LIVRE & INDEPENDENTE

© Jornal Txopela, 2017
Todos os direitos reservados
Fundado em 2014

REGISTO Nº 01/GABINFO-DEC/2016. © AFRO MEDIA COMPANY
Ir para a barra de ferramentas