Um terço dos perto de 200 oficiais de justiça com que a ministra Catarina Sarmento e Castro anunciou várias vezes ter reforçado os tribunais em Setembro passado não aguentaram o baixo salário e já se foram embora, obrigando a tutela a fazer novos concursos para contratar substitutos.

Fuente