Max Angelo tira caixinha de anel do bolso após relatar com emoção sobre o desfile

Resumo
O entregador Max Angelo, vítima de chicotadas em São Conrado, desfilou na Paraiso do Tuiuti, na Marquês de Sapucaí.




Max pediu a companheira em casamento ao vivo

Max pediu a companheira em casamento ao vivo

Foto: Reprodução/TV Globo

Max Angelo, o entregador que foi chicoteado por uma moradora de São Conrado no ano passado, representou João Cândido no desfile da Paraíso do Tuiuti na madrugada desta terça-feira, 13. Além da forte emoção de desfilar pela agremiação, ele pediu sua companheira em casamento ao vivo na transmissão pela TV Globo.

O entregador relatou com emoção o ocorrido com ele em abril do ano passado ao conversar com Karine Alves. “Passei noites sem dormir porque a gente não acreditava no que tinha acontecido. Você nunca vai imaginar que uma pessoa vai ter coragem de tirar a coleira de um cachorro pra chicotar outra pessoa”.

Ele reforçou que hoje é possível lutar e buscar direitos, o que a Paraíso da Tuiuti trouxe para a Marquês de Sapucaí e agradeceu o convite da agremiação. “Estou muito feliz, não tenho palavras pra descrever, estou muito agradecido”.

Karine Alves aproveita a deixa e questiona o entregador: “Você ia fazer uma surpresa também, não ia?”. “Ah sim, sim. Vou”, diz ele.

Max pega do bolso a caixa de um anel e discursa para a amada antes de se ajoelhar: “Jacqueline dos Santos Lopes, você é minha companheira, que esteve comigo nos piores momentos da minha vida. Eu não penso em outra pessoa pra estar na minha vida se não for você”.

Bastante emocionada, ela aceita o pedido de casamento e os dois se declaram. “Te amo”.



Fuente