Os números do relatório final da Comissão de Análise Integrada da Delinquência Juvenil e da Criminalidade Violenta, coordenados pelo Ministério da Administração Interna, revelam não só uma subida dos crimes cometidos por menores de 16 anos como uma tendência dos grupos organizados em se aproveitarem da mão de obra infantil e juvenil.

Artigo Exclusivo para subscritores

Subscreva já por apenas 1,73€ por semana.

Já é Subscritor?
Comprou o Expresso?Insira o código presente na Revista E para continuar a ler

Fuente