(Foto de Elsa/Getty Images)

Os New York Jets deveriam estar em êxtase agora.

Eles não apenas renovaram seu time em ambos os lados do campo de futebol, mas seu concorrente mais forte também piorou.

Com o Buffalo Bills perdendo Gabe Davis e Stefon Diggs na mesma entressafra, eles não deveriam mais ser os favoritos para vencer a divisão.

Mesmo assim, a partir de agora, os criadores de probabilidades ainda acreditam que os Bills são o melhor time da AFC East, seguido pelos Miami Dolphins, depois pelos Jets e, por último, pelos sempre em dificuldades New England Patriots.

No entanto, o analista da NFL – e conhecido torcedor dos Jets – Craig Carton acredita que há muito preconceito nessa classificação.

“Os Jets são o melhor time do futebol que não se chama São Francisco”, disse Carton.

Embora reconheça que os Bills são donos da divisão há três anos consecutivos, ele acredita que sua supremacia finalmente acabou.

Ele chegou a afirmar que os Jets são atualmente o segundo melhor time da liga, atrás apenas do San Francisco 49ers, em termos de talento.

Há um argumento a ser feito aí, e não há como negar que os Jets, embora historicamente não sejam o time mais competitivo da liga, têm uma infinidade de talentos em seu elenco neste momento.

Também é fato que as pessoas continuam a ser tendenciosas quando falam sobre os Jets.

Eles tiveram azar ao longo dos anos, inclusive na temporada passada, quando Aaron Rodgers esteve em campo em um total de quatro jogadas.

No final das contas, o talento por si só não ganha jogos de futebol, muito menos Super Bowls, então os Jets terão que apostar tudo no campo de futebol.

PRÓXIMO:
Os fãs não conseguem acreditar no que Mike Francesa disse sobre o front office dos Jets



Fuente