Home Entretenimento Partículas ultrafinas emitidas pelos aviões põem em risco dois milhões de pessoas...

Partículas ultrafinas emitidas pelos aviões põem em risco dois milhões de pessoas em redor do aeroporto de Lisboa

São mil vezes mais pequenas do que o diâmetro de um cabelo humano, têm origem nos combustíveis queimados pelos aviões e põem em risco a saúde humana de forma invisível, agravando o desenvolvimento de problemas cardíacos, respiratórios e de saúde mental. Estamos a falar das partículas ultrafinas emitidas pelos aviões que, segundo um estudo divulgado esta segunda-feira pela Federação Europeia de Transportes e Ambiente (T&E), afetam particularmente a vida de 20% da população portuguesa e de cerca de 52 milhões de pessoas que vivem em redor dos 32 aeroportos com mais movimento da Europa.

O estudo avaliou a poluição originada pela combustão dos aviões em redor do aeroporto de Amesterdão-Schiphol e com base nos resultados foram extrapoladas projeções para a realidade de outras cidades, entre os quais a capital portuguesa.

Já é Subscritor?
Comprou o Expresso?Insira o código presente na Revista E para continuar a ler

Fuente