Home Tecnologia Projeto de lei para criar novo estado no sudeste passa na segunda...

Projeto de lei para criar novo estado no sudeste passa na segunda leitura na Câmara dos Representantes

Um projeto de lei que busca criar um novo estado na zona geopolítica do sudeste foi aprovado em segunda leitura na Câmara dos Representantes.

A legislação proposta, que é copatrocinada por três legisladores da região — Amobi Ogah (Abia), Miriam Onuoha (Imo), Kama Nkemkama (Ebonyi), Chinwe Nnabuife (Anambra) e Anayo Onwuegbu (Enugu) — passou por uma segunda leitura durante o plenário na quinta-feira.

Os legisladores estão propondo alterar a Constituição de 1999 para criar um novo estado de Abia, Anambra, Ebonyi, Enugu e Imo.

O novo estado será conhecido como Etiti, com Lokpanta como capital.

O estado terá 11 LGAs: Aninri, Awgu, Isuikwuato, Ivo, Oji-River, Ohaozara, Okigwe, Onuimo, Orumba norte, Orumba sul e Umu-Nneochi.

Em seu resumo legislativo, Ogah disse que o projeto de lei busca abordar uma questão “de longa data” de paridade regional e eficiência administrativa no sudeste.

“O estabelecimento do estado de Etiti não é apenas uma questão de conveniência administrativa, mas um passo para garantir o desenvolvimento regional equilibrado e a governança eficaz”, disse Ogah.

Ela responde às aspirações do povo de uma região muito importante para este país e se alinha aos princípios de equidade e inclusão consagrados em nossos ideais democráticos.

“Basta dizer que é um passo há muito esperado na direção certa para promover representação equitativa, aumentar a eficiência da governança e promover o desenvolvimento socioeconômico na região.”

O projeto de lei foi aprovado quando submetido à votação oral por Tajudeen Abbas, presidente da câmara.

O projeto de lei foi lido pela primeira vez em 2 de julho.

Na quinta-feira, o senado também apresentou um projeto de lei buscando criar Tiga, um novo estado, a partir de Kano.

Fuente