Home Tecnologia Suposta lavagem de dinheiro: EFCC vai indiciar ex-ministro do poder, Mamman

Suposta lavagem de dinheiro: EFCC vai indiciar ex-ministro do poder, Mamman

O ex-ministro da Energia, Saleh Mamman, será indiciado pela Comissão de Crimes Econômicos e Financeiros no Tribunal Federal Superior em Abuja na quinta-feira, 11 de julho de 2024.

Mamman, que foi ministro do ex-presidente Muhammadu Buhari de 2019 a 2021, foi demitido por Buhari junto com o Ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Sabo Nanono, em setembro de 2021.

Mamman foi preso por agentes da EFCC em maio de 2023.

Ele seria indiciado perante o juiz James Omotoso por 12 acusações que beiram crimes de lavagem de dinheiro, no valor de N33 bilhões.

O ex-ministro da Energia foi acusado de conspirar com outros funcionários de seu ministério e algumas empresas privadas para converter indiretamente N33,8 bilhões de fundos liberados para os Projetos de Usinas Hidrelétricas de Mambilla e Zungeru pelo Governo Federal.

A EFCC afirmou que o delito era contrário às Seções 18(a), 15(2)(b) da Lei de Proibição de Lavagem de Dinheiro de 2011 (conforme alterada) e punível de acordo com a Seção 15(3) da mesma Lei.

Fuente